Em resumo, um programador back-end desempenha um papel fundamental no desenvolvimento de sistemas e aplicativos web. Eles são responsáveis por toda a parte lógica e funcional do sistema, garantindo seu correto funcionamento. Para se tornar um programador back-end de sucesso, é necessário adquirir habilidades técnicas, estar sempre atualizado, se diferenciar no mercado de trabalho e estar atento às tendências e perspectivas da área.

Como vimos o Back-end é a camada principal, é ele quem dá inteligência para o software, processando os dados e executando tarefas. Na tela do aplicativo do uber, você informa o local de origem/destino e o tipo de carro – Essa tela que você está vendo e inserindo informações é o Front-end do aplicativo. O Git permite que você gerencie o seu fluxo de trabalho utilizando commits e branches. Os commits são como pontos de verificação em sua base de código – aqueles para os quais você pode sempre retornar se estragar tudo. Agora que temos uma compreensão básica do que significa desenvolvimento em back-end, vamos entrar em algumas questões reais. O Via Carreira é um portal que fornece materiais informativos e educativos para estudantes, professores, acadêmicos e profissionais que já estão ou precisam voltar ao mercado de trabalho.

Web Developer

Além disso, ele também deve ter domínio sobre linguagens de programação, compreender seu funcionamento e seus paradigmas. Nesse caso, algumas das mais utilizadas são Javascript, PHP, Python, curso de teste de software Ruby, C++ e Node.js. Há pouco mais de uma década, o trabalho de desenvolvimento web não tinha distinções, e um mesmo profissional fazia diferentes funções em um mesmo projeto.

Os bancos de dados são geralmente fáceis de começar a trabalhar, mas mais difíceis de manter e de ajustar corretamente. A melhor maneira de se começar a trabalhar em uma pilha de tecnologia em https://rondoniatual.com/2024/01/18/curso-de-teste-de-software-cresce-procura-por-formacao-na-area-de-ti/ é ter tudo junto em um único servidor – o código de sua aplicação, os servidores proxy reversos, o banco de dados e assim por diante. Então, conforme você se torna mais proficiente em cada parte, você pode desacoplá-la da lógica de negócios existente. Além do mais, sua sintaxe é simples e de fácil compreensão se comparado com outras linguagens de programação back end.

Para que serve o back end?

A linguagem C não oferece muito suporte a conexão com redes e não apresenta recursos avançados de segurança. Assembly é uma linguagem que se comunica diretamente com a máquina por meio de zeros e uns. Para que o entendimento humano e a programação nesta linguagem sejam possíveis, é utilizado um conjunto de símbolos, chamados de mnemônicos, como “ADD” de adicionar e “MOV” de mover.

Para aparecerem na tela significa que o Back-end foi até o banco de dados, buscou essa informação, entregou para o Front-end e o Front-end exibiu pra você. O profissional que define as cores, as formas e o estilo de um site ou de um aplicativo é o designer. O programador Front-end será o responsável em codificar e dar vida a essa arte criada pelo designer. Muitas pessoas acham que para se tornar um programador Front-end é necessário ter boas noções de design. Entender o que é o Back-end e o Front-end é essencial para qualquer pessoa que pensa em ingressar na carreira de programador. Nesse artigo vamos esclarecer esses dois conceitos e deixar você mais preparado para iniciar seus estudos.